Edição impressaConfira a última edição impressa

Escola Municipal Prefeito Atílio da Silva Brandão de Bom Repouso realiza em 2019 “Projeto A Estante Mágica”

No cardápio 2020, temos bolinho de abóbora com costela, bolinho de carne e paeja mineira. Os três pratos custam de R$ 12,00 a 25,00 e integram a terceira edição do Festar Gastronômico de Borda da Mata. De 9 a 31 de janeiro, os restaurantes Agridoce, Minas Gourmet e Comida de Buteco participam do festival que tem como objetivo divulgar e movimentar o comércio local.
Os três estabelecimentos abrem de quarta a domingo e todos que degustarem os pratos recebem a cédula para avaliar cinco quesitos: Sabor, Criatividade/Inovação na receita, Apresentação do prato, Atendimento e Higiene do local, com notas de 5 a 10. Além do público, uma equipe de três jurados também avalia os mesmos quesitos. As cédulas são de papel e deve ter todos os campos preenchidos para ser validada. Ao votar, as cédulas são depositas em uma caixa lacrada no estabelecimento participante. O voto dos jurados é guardado pela comissão organizadora do evento. A nota final vai ser a soma dos três jurados mais a nota do público que tem peso 2, ou seja, vai ser duplicada. Os quesitos também têm pesos diferentes. Sabor e Criatividade/Inovação na Receita contam duas vezes.
Jurados 2020
Lucas da Silva
Trabalha no comércio alimentício há 10 anos. Já provou da experiência de ter um barzinho com música ao vivo e há 5 anos é proprietário do Café da Bisa, em Borda da Mata. Admirador de uma boa comida e até mesmo um simples tira gosto, sempre preparados no “capricho”. É conselheiro do COMTUR – Conselho Municipal de Turismo, representando as empresas do setor de alimentos com foco no turismo.
Lucimara Amaro
Nas horas vagas trabalha como personal chef. Especialista em massas, molhos artesanais e risotos. Amante da culinária e harmonização de ingredientes, acredita que comida saborosa é o resultado da junção dos melhores ingredientes com amor e carinho. São os detalhes que encantam a todos pelo paladar!
Dóia Nogueira
Amante de viagens, sempre que possível, procura conhecer lugares diferentes. Dentre muitas coisas, o que mais aprecia em todos eles é a gastronomia local. Além de degustar dos pratos regionais, gosta também de fotografá-los e, como boa mineira, sempre dá um jeitinho de saber como são feitos, para em casa, junto com o marido, que “modéstia à parte é um cozinheiro de mão cheia”, tentar fazê-los. Dentre os lugares que conhece, a comida mineira permanece sendo a sua predileta.
Edições 2018 e 2019
Nas cédulas de votação, foi possível identificar o movimento nos estabelecimentos participantes, tanto dos moradores de Borda da Mata, como

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Protected by WP Anti Spam