Edição imprensaConfira a última edição impresa

Estudantes de Jornalismo desenvolvem o primeiro webdocumentário seriado de Minas Gerais

Para obter o diploma de jornalistas pela UNIVÁS (Universidade do Vale do Sapucaí)em Pouso Alegre, as estudantes Ana Luiza Fernandes, Edna Motta, Jéssica Caixeta e Juliana Cunha, sob a orientação da professora Hellen Morais, desenvolvem o webdocumentário seriado A gente vai indo… como projeto experimental.

 

O vídeo de aproximadamente 25 minutos vai ser uma produção documental distribuída em cinco capítulos de cerca de cinco minutos cada, destinado para o público da internet. A web foi escolhida como cenário do documentário porque a interatividade permite que as histórias contadas se propaguem.

 

No Brasil, há poucos webdocumentários seriados,em Minas Gerais, A gente vai indo… será a primeira produção.  O filme vai contar histórias de personagens que são felizes com o que têm, principalmente, aqueles que têm poucos recursos, pouco dinheiro. “Afinal, o importante é ter aquilo que é essencial na vida, pode não ser abrigo, nem conversas, nem carinho, pode ser um milhão de outras coisas, o importante é ser feliz” afirmam as integrantes da equipe.

 

Para captar fontes de entrevistas para o vídeo, as universitárias criaram o blog A gente vai indo… (www.agentevaiindo.com.br). Neste espaço, toda semana tem uma história diferente com o enfoque em pessoas que fazem a diferença, além de bastidores da produção do projeto. Cinco entrevistados para o blog foram escolhidos para participar do webdocumentário, o qual será apresentado no início de dezembro deste ano para banca examinadora na faculdade, não só com o intuito de conquistar o diploma. “Mais que documentar essa realidade em vídeo, o objetivo do projeto é levar o mais longe possível um Brasil recheado de gente muito diferente, mas que assim como a gente, vai indo bem, muito bem, obrigado” almeja a equipe na descrição do produto.

 

Em três meses de trabalho na internet, o blog foi visualizado quase 7.000 vezes apenas com divulgação via Twitter (@agentevaiindo) e Facebook (A Gente Vai Indo). Cada postagem do blog tem um botão “curtir” do Facebook, o qual leva o link do conteúdo para a página de quem clicar nele.  Aproximadamente 1.000 pessoas já compartilharam posts na rede social. O blog inclusive já pautou uma emissora de televisão com a história de Dona Maria do Carmo, uma moradora do Bairro São Geraldo que faz maquetes de verdadeiras mansões com materiais recicláveis. A senhora foi personagem da reportagem exibida no dia 03/09 no Jornal da EPTV primeira edição.

 

Segundo Ana Luiza, Edna, Jéssica e Juliana, o projeto quer mostrar que “a vida é sim bela se eu vejo nela, mesmo com tantas dificuldades e obstáculos, um ou vários lados bons que me faz feliz todos os dias. Pode ser o carinho da família e dos amigos, a casa que moro, as conversas jogadas fora… E quer saber, isso é que é importante, porque no mais, a gente vai indo!”.  E, a gente vai indo como um garoto que solta pipa na rua, com os pés no chão, em contato com a realidade, mas os sonhos estão lá no alto.

 

 

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Protected by WP Anti Spam