Edição impressaConfira a última edição impressa

O que espero de ti

“O que você espera de mim?”
Essa pergunta ficou marcada assim:
O que eu posso dizer para ti?
Espero no mínimo que queira ficar aqui
Que se quiser tentar um começo
Consiga perceber o valor que mereço
Mas que comece sem pensar num possível de fim

Eu penso tão mais em dar que receber
Isso não depende só do merecer
Se o amor não for incondicional, nunca irá sobreviver
Como eu, você é humano e imperfeito,
E sei que preciso adaptar-me ao teu jeito
Até me adaptar a alguns dos teus defeitos
O que não for aceitável eu tento um pleito
Já ouvi falar que quem quer dá um jeito
Sem desculpas, com entrega e sem medo,
Assim como eu que sempre perdoo e cedo,
Simplesmente por querer fazer acontecer
E por querer acreditar que quem eu quero comigo é você

Espero que você esteja comigo
Para ser meu amor, mas também ser meu amigo
Nos dias ruins ser meu abrigo
E poder aproveitar o melhor da vida
Sem pensar em despedida
Que queira rir, brincar, passear,
Trocar juras e carinhos
Não deixar mais eu me sentir sozinho:
Quero viver sabendo que tenho alguém para amar

E quando tudo parecer dor
Ter teu colo e você para fazer amor
Com os amigos sair
E junto a gente se divertir
De maneira tal que nunca pense em partir
Tendo a maturidade de saber que vai ter barreira
Mas quando tiver que atravessar ela
De maneira sábia, serena e bela
Com um tendo o outro para ajudar
A pensar e a tomar
A decisão mais certeira
Esse é o meu pensamento
Quero que seja alguém que me queira
Não apenas para um momento,
Mas me queira contigo para a vida inteira

E lá na frente com muita história para contar
Para escrever, recordar e reapaixonar
Não deixar que as coisas caiam na rotina
Transformar de vez aquela nossa sina
E ter do lado alguém fiel
Não! Não espero que seja o céu
Mas se a gente quiser
Venha o que vier
Fazendo tudo o que puder
Tentar fazer desse nosso lance
Uma aventura cheia de romance
É só a gente se esforçar bastante
Para fazer uma sem rotina, porém constante
E “eterna” lua-de-mel

É, eu sei, vamos com calma
Não tô com pressa
Só o que me interessa
É ter paz na alma
E você ao meu lado
Talvez para você isso tudo seja novo e pesado
Mas eu preciso ser sincera
Estou naquele tal de “Deus me livre, mas quem me dera”
Só certa de que é você quem eu quero
Parar me amar e ficar a vida toda, eu espero
O resto é sonho de relação, não é bem esperar
Nem ficar idealizando
Se for recíproco ter você me amando
Esperarei o que você esperar

E ver esse sentimento crescendo
O tempo passou, ele não morreu, só foi se fortalecendo
O que faz-me sentir livre para romantizar
Quem sabe nosso estranho lance
Vire um lindo romance
A gente só precisa se dar uma chance
Porque você é do tamanho do meu vazio
Me deixe te derreter, não seja mais tão frio
Pois foi só você quem eu quis para amar
Enquanto isso vou ficar ansiando
Por também saber o que você está pensando
E por ter de novo meus olhos a brilhar

Tive tanta paciência para te ter aqui
Que não quero te ver partir
Sem ao menos tentar
Relaxa que nesse jogo de ser amado
Sempre sou eu que saio com machucados
Mas por você eu posso me arriscar
Vamos parar de pensar tanto e viver
Simplesmente deixar acontecer
Acho que o que espero de ti
É que me deixe segura
Que você realmente entrou nessa loucura
E que quer ficar aqui

Ddsa Carvalho
Borda da Mata

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Protected by WP Anti Spam