Edição impressaConfira a última edição impressa

Orquestra de Viola faz apresentação gratuita na praça de Borda da Mata

O grupo de 28 músicos tocou clássicos da viola caipira, interpretando com a sinfonia de cordas a música raiz de nomes como Tonico e Tinoco, Lupicínio Rodrigues e outros mestres da viola caipira, além de composições autorais. Apresentação ocorreu na noite de domingo, 5 de maio, no Coreto Agenor de Mello, que fica na Praça Nossa Senhora do Carmo.

A noite de domingo, 5 de maio, teve um toque para lá de especial na Praça Nossa Senhora do Carmo, em Borda da Mata. Por volta das 20h, ao final da missa celebrada na Basílica, a Orquestra de Viola Raízes, do Distrito dos Fernandes, em Tocos do Moji, fez uma apresentação gratuita no Coreto Agenor de Mello.
O grupo de 28 violeiros tocou grandes clássicos da viola caipira, interpretando a obra de nomes como Tonico e Tinoco, Lupicínio Rodrigues, Mazinho Quevedo, Nono e Naná entre outros mestres violeiros. No repertório ainda teve um gênio da MPB: Alceu Valença; e o grande nome da música erudita nacional: Heitor Villa Lobos.
Já deu um show para lá de completo, e teve mais. A orquestra apresentou para a plateia suas composições autorais. São elas: “Base da Sociedade”, composição de Amarildo; “Beleza que Deus criou”, de Tiago Almeida; e “Viola Danada”, de Bareta da Viola.
O maestro Tiago Almeida comenta a importância do grupo: “É um grupo que tem a finalidade de valorizar a viola caipira, a música de Raiz e também valorizar os artistas de nossa cidade”, conta ele.
Em julho, a orquestra completa três anos de vida. Em pouco tempo, já dá seus primeiros frutos. Atualmente, “o grupo conta com a participação de crianças, jovens e até idosos”, como explica o maestro. Em breve vem um CD por aí. O projeto está sendo desenvolvido em parceria com uma produtora do Estado de São Paulo.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Protected by WP Anti Spam